FARIAS BRITO

Dados do município/localização
Fundação: 13/10/1890
Emancipação Política: 20 DE DEZEMBRO
Gentílico: FARIASBRITENSE
Unidade Federatíva: CE
Mesoregião:
Microregião: CARIRIAÇU
FARIAS BRITO
Origem

Farias Brito é um município da microrregião de Caririaçu, no estado do Ceará, no Brasil. Sua população estimada em 2019 era de 19 450 habitantes. Localiza-se na Região Metropolitana do Cariri.

História

A área geográfica onde se localiza a atual comunidade foi outrora campo de atividade da tribo indígena Cariús ou Kariús, que habitava grande parte da atual zona sul do sul do Ceará,Paraíba, Rio Grande do Norte e sertão pernambucano.

O município de Farias Brito, antigo Quixará, começou a ser organizado entre o final do século XVII e princípios do século XVIII, originário da concessão de datas das sesmarias da Capitania do Ceará medindo cerca de três léguas cada, localizadas às margens do Rio Cariús. Há relatos de conflitos entre os povos indígenas que ali viviam e os brancos europeus que chegavam.

Registro da crônica histórica dá conta que um dos vultos marcantes da formação da comuna foi o coronel Francisco Gomes de Oliveira Braga, chefe político muito influente, que conseguiu que fosse, o povoado, elevado à categoria de vila em 1890.

Por ato de 22 de julho de 1873 e por Lei Provincial nº 2.042, de 06 de novembro de 1883 foi elevada à categoria de Arraial de Quixará.

O Decreto nº 82, de 13 de outubro de 1890, elevou-o à condição de município autônomo, com a denominação de Quixará, desmembrando-o das terras de Assaré.

No dia 15 de novembro de 1890, foi instalado oficialmente o novo município, tendo como prefeito José Alexandre Nunes.

Em 09 de outubro de 1920, porém, são cessadas as suas autonomias políticas e administrativas pela Lei Estadual nº 1.794, ficando Quixará sob a dependência de Santana do Cariri.

Pela Lei estadual nº 2.359, de 26 de julho de 1926, o distrito de Quixará deixa de pertencer ao município de Santana do Cariri, para ser anexado ao município de Crato.

Pelo Decreto estadual nº 193, de 20 de maio de 1931, o distrito de Quixará deixa de pertencer ao município de Crato, sendo incorporado ao município de São Mateus, atual Jucás.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o distrito de Quixará, volta a pertencer ao município de Crato.

Em Lei nº 268, de 20 de dezembro de 1936, restituiu-lhe a categoria de Município, desmembrando-o do município do Crato.

Pelo decreto estadual nº 448, de 20 de dezembro de 1938, o município de Quixará adquiriu o distrito de Ingá (Cariutaba), do município de São Mateus.

Sob o mesmo decreto acima citado é criado o distrito de Quincuncá e anexado ao município de Quixará. Pelo decreto-lei estadual nº 1.114, de 30 de dezembro de 1943, o distrito de Ingá passou a denominar-se de Cariutaba.

Pela lei estadual nº 2.194, de 15 de dezembro de 1953, o município de Quixará passou a denominar-se Farias Brito. O nome Farias Brito é em homenagem ao filósofo Raimundo de Farias Brito.

Cultura

Lista de equipamentos culturais
Associação Cultural Curumins do Sertão[14]
Banda de Música Municipal Padre David Moreira
Casa de Cultura e Saberes Rosemberg Cariry[15]
Centro Cultural Maria Marieta Pereira Gomes
Cia de Teatro Curumins do Sertão
Memorial Maria Leite de Almeida
Museu Nosso Quixará
Ponto de Cultura Meninada no Palco
Secretaria Municipal de Cultura, Esporte e Juventude
Biblioteca Pública Municipal Francisco Matias de Souza " O MANINHO" - Sede
Biblioteca Pública Municipal José Rodrigues da Silva "ZÉ DE MIZIM" - Distrito de Nova Betânia
Biblioteca Comunitária Dr José Maria Gomes Pereira (Casa de Arte e Cultura Rosemberg Cariry)

Dados de características geográficas
Área: 503,62
População estimada: 19450
Densidade: 38,60
Altitude: 320
Clima: TROPICAL SEMIÁRIDO BRANDO
Fuso Horário: HORA DE BRASÍLIA
Distância para a capital: 475,00

Qual o seu nível de satisfação com essa página?


Muito insatisfeito

Pouco insatisfeito

Neutro

Pouco satisfeito

Muito satisfeito